Júlio de Ló Blog


Marlon – Um sujeito Medíocre

Medíocre, assim que é. Pode parecer desrespeitoso, um descaso, ou quem sabe até uma ofensa. Mas não, quando digo medíocre, quero dizer mediano, medial, médio. Justifico. Marlon possui dois irmãos: o primogênito e o caçula, ou seja, é o do meio. Seus olhos não são verdes, nem jabuticabas. Cor de mel. Cabelos loiros, não. Cabelos pretos, tampouco. Cabelos castanhos claros. Não serve para jogador de basquete – não cresceu muito – nem serve para ser invocado – não é baixinho – estatura mediana. Nunca foi um c.d.f., nem f.d.p., passava de ano. Fanático por futebol, não, todavia não chega a ponto de responder “o meu time é o Brasil”. Caucasiano ou negróide? É um negro desbotado ou um branco engraxado. Engraçado – não tem fama de –  mas também não possui a comicidade paterna de piadas infames. Se expressa bem – bem normal – uma mistura de gestos do bairro da Mooca com um toque afrancesado. Gosta de mulher? Gosta, porque é “hetero”, se fosse “homo” gostaria de homem. Não é ansioso, nem cuca fresca. Não é de peixes, nem de leão – libra. Não tem corpinho de sumô, nem desfila ao lado da Gisele Bündchen. Idade: flor da idade. Rico? Pobre? Classe média mesmo. Jeans, cabelos por cortar, desodorante, mas não perfume, camiseta barata de Shopping Center. Inglês intermediário. Não fuma, contudo vive em São Paulo. Bebe socialmente. Sai fim-de-semana sim, fim-de-semana não.

Poderia ficar páginas e mais páginas descrevendo Marlon. No entanto, vou parar pela metade.

Júlio de Ló

Curiosidade:  a letra “M”, de Marlon, está no Meio do alfabeto!

Anúncios



%d blogueiros gostam disto: